4 de set de 2016

A leitura e o abraço

"[...] É neste aspecto que o abraço e a leitura mais se assemelham: o fato de que abrem em seu interior tempos e espaços diferentes do tempo e do espaço mensuráveis."

Se um viajante numa noite de inverno. Italo Calvino. p. 160


(Este trecho do livro de Calvino lembrou-me um desenho e uma postagem antiga: a literatura do abraço.)



Um comentário:

Francheska disse...

Interessante! Acho que não só a leitura, o abraço, mas também a música nos fazem sentir isso! Recentemente participei de um concerto, e pensei "a música transporta para outro espaço e tempo". Escrevi um poema sobre essa experiência, se quiseres ler: http://www.recantodasletras.com.br/sonetos/5765182