8 de mar de 2014

Janela sobre a nuca

As coisas são donas dos donos das coisas e eu não encontro minha cara no espelho. Falo o que não digo. Estou, mas não sou. E entro num trem que me leva aonde não vou, num país exilado de mim.

Eduardo Galeano. As Palavras Andantes. 4ª edição. Página 303.

Nenhum comentário: