12 de nov de 2013

Macabéa e Olímpico de Jesus

"Eles não sabiam como se passeia. Andaram sob a chuva grossa e pararam diante da vitrine de uma loja de ferragem onde estavam expostos atrás do vidro canos, latas, parafusos grandes e pregos. E Macabéa, com medo de que o silêncio já significasse uma ruptura, disse ao recém-namorado:

- Eu gosto tanto de parafuso e prego, e o senhor?"

A Hora da Estrela. Clarice Lispector. 24ª edição.  Editora Francisco Alves. Página 60.
[Minha primeira leitura de Clarice.]

Nenhum comentário: